Ligue e Assine: (48) 3265-0446

12/04/2019 | Tamanho da Letra A- A+

Bombeiro conta experiência em Brumadinho

Sargento Luiz Carlos Veronezi, acompanhado do cão Hero, conversou com o prefeito de Tijucas

Atendendo a um convite do prefeito Eloi Mariano Rocha, o bombeiro militar sargento Luiz Carlos Veronezi, acompanhado do cão Hero, esteve no gabinete da Prefeitura de Tijucas durante esta semana. De acordo com o depoimento emocionado do herói local, a experiência o fez valorizar mais a vida. “Fiquei 15 dias em Brumadinho. Nossa rotina de trabalho começava 4 horas da manhã e ia até a meia noite. Foi uma experiência muito marcante para mim, durante as duas primeiras semanas de regresso eu não consegui falar sobre o assunto. Volto com o sentimento de dever cumprido, mas transformado com o sofrimento de lá”, afirmou Veronezi.

Num total de 2 mil e 500 bombeiros envolvidos nas buscas, o Estado de Santa Catarina enviou para trabalhar no local 43 soldados especializados em busca com cães e busca e resgate em áreas deslizadas. 40% dos achados em Brumadinho aconteceram devido ao trabalho diligente dos profissionais do Estado. Tijucas é uma referência latino-americana de busca e resgate em estruturas colapsadas.

“Sem os cães o trabalho em Brumadinho não seria possível. Devido a violência da tragédia, os corpos foram desmembrados e nós não conseguimos achar nenhum corpo inteiro. Encontramos 200 pedaços e assim que aquele membro era reconhecido por DNA, a vítima era retirada da lista de desaparecidos. As famílias se despediram de membros, não de seus entes queridos. Isso me fez repensar na vida”, conta emocionado o sargento. Ele voltou porque ficou enterrado na lama movediça e precisou ser resgatado. Machucou a coluna e está fazendo fisioterapia.