Ligue e Assine: (48) 3265-0446

20/12/2019 | Tamanho da Letra A- A+

Especial de Natal: Recuperação de Vitório ganha mais forças ao ser liberado para ser o Papai Noel

Pouco tempo depois de fazer cirurgia de câncer na língua, bom velhinho prepara as entregas dos presentes

 

Em menos de dois meses após ser operado de um câncer na língua, Vitório José Braitdach, 70 anos, já veste-se de Papai Noel para receber as crianças que chegam na Casinha do bom velhinho, montada na praça Capitão Amorim, em São João Batista.

Além disso, nos últimos dias ele tem passado nos comércios do Vale do Rio Tijucas para arrecadar brinquedos e balas para distribuir às crianças carentes. Um trabalho que realiza há 53 anos.

A esposa Maria Irene Pereira Braitdach, 65, conta que o marido estava bastante triste antes de fazer a cirurgia, pois já era próximo a data e acreditou que não conseguiria fazer seu trabalho neste ano. “Depois que fez a cirurgia, entrou em depressão, só chorava, e a recuperação dele estava muito lenta”, revela.

Porém, na consulta de retorno, o médico surpreendeu Vitório com a notícia de que estaria liberado para fazer o Papai Noel. O tratamento com quimio e radioterapia, que são indispensáveis, foram adiados para depois do Natal. “Quando ele saiu de lá já estava mais feliz e foi se recuperando cada dia mais. Antes só comia pela sonda, hoje já come normalmente. Já está mais forte e se recupera cada dia melhor”, comemora a esposa.

Este já é o terceiro câncer que Vitório enfrenta. O primeiro foi há sete anos, na garganta. Mesmo com as quimios e rádios, o médico afirmou que uma cirurgia seria muito arriscado, pelo tamanho do câncer. Mas, foi por meio de muitas orações que o “bom velhinho” recebeu um milagre e foi curado.

Anos depois a doença atingiu a próstata, mas por meio de tratamentos, Vitório também conseguiu vencer. Agora, além de se recuperar da cirurgia da língua, ele ainda luta, novamente, com uma alteração na próstata. “A missão dele nessa terra é muito grande, porque Deus tem cuidado muito”, avalia Irene.

 

Presentes arrecadados

Até quarta-feira, 18, Vitório já havia arrecadado em torno de 400 presentes para distribuir no sábado, 21, e domingo, 22. Porém, até o fim da semana, a intenção era visitar comércios de Canelinha e Brusque para conseguir mais lembrancinhas.

Para a entrega dos presentes, o Papai Noel conta com a ajuda do Conselho Tutelar de São João Batista. “Eles me passam onde moram as famílias mais carentes, e vamos juntos. Tem lugares que a gente anda até 16 quilômetros para chegar numa casa com apenas uma criança. Mas vale a pena chegar lá e ver aquele sorriso”, conta Vitório.

Ele lembra que quando começou a fazer o trabalho de se vestir de Papai Noel, apenas distribuía balas. Mas em um dia, uma menina o pediu uma boneca e o pedido tocou seu coração. “A partir daquele momento eu decidi que faria todos os anos. Meu propósito era fazer por 50 anos, mas já se passaram mais três e não sinto vontade em parar”, diz.

Para Vitório, a maior recompensa desse trabalho é ver a felicidade das crianças e a gratidão ao Papai Noel. “Isso não tem preço que pague. Eu faço por amor”, garante.

Ele lembra que muitas das crianças que um dia receberam as balas do Papai Noel, hoje são advogados, professores, e agora colaboram com presentes para que ele continue fazendo a alegria da criançada.

Atualmente, o bom velhinho da vida real conta, diariamente, com a presença dos cinco netos: Laura, 6 anos, Maria Valentina, 3, Vitor Emanuel, 2, Vitória, 1 ano e 2 meses, e o pequeno Gabriel Willian, de apenas 1 mês.

Além disso, recebe constantemente a visita da pequena vizinha Isabelly Vitória, de 5 anos, a qual tem grande carinho por Vitório. “Ele se veste de Papai Noel para dar alegria às crianças”, diz a menina.

Para Irene, o motivo da recuperação do marido é, sem dúvida, ter tido a liberação para realizar o trabalho. “É incrível ver como ele gosta do que faz”, finaliza.


Você está lendo: Recuperação de Vitório ganha mais forças ao ser liberado para ser o Papai Noel

Leia também: 

Neotrentina presenteia mais de 150 amigos com cartões feitos manualmente

Terno de Reis do Rapaze mantem tradição de visitar as casas próximo ao Natal

Casinha do Papai Noel, em São João Batista, estará aberta na véspera de Natal

Carro da CDL será sorteado na terça-feira

Madrinhas da Apae se sensibilizam com ação anual

Programação de Natal em Nova Trento segue até dia 25

CDL sorteia prêmios da campanha Sonho de Natal

Pizzaria de Nova Trento realiza evento solidário de Natal

Entidades de acolhimento preparam ceias especiais para viverem o Natal